PATROCÍNIO

Notícia em destaque


Feirão da Caixa oferece imóveis com descontos que vão até 80%


Os truques de sedução são os mais variados, mas o objetivo de todos é entregar as chaves da casa própria e convencer o candidato a morador a fechar o negócio. O Feirão de Imóveis da Caixa Econômica, no Rio de Janeiro, oferecerá mais de 15 mil opções de casas e apartamentos com até 80% de desconto, e condições especiais para os interessados em unidades do programa "Minha casa, minha vida". O evento acontece de sexta a domingo.
 
Sem considerar os leilões, os valores dos imóveis no feirão variam de R$ 120 mil (um apartamento em Duque de Caxias) até R$ 8,7 milhões. O preço médio será de R$ 170 mil. Durante o evento, as construtoras terão incentivos que vão desde descontos, pagamento do ITBI e registro para o proprietário, entrada parcelada em até 60 meses ou uso do carro como pagamento.
 
Para o professor de Economia & Finanças do Ibmec-RJ Ricardo Macedo, embora os juros para o financiamento da casa própria estejam caindo, o comprador deve avaliar as condições gerais de um endividamento de longo prazo.
 
- Tem que tomar cuidado em relação à ilusão dos efeitos da queda na taxa de juros. As pessoas não podem ir por impulso, principalmente nos feirões. Para aproveitar o ganho real na taxa de juros, o ideal é ter um recurso para colocar de entrada e barganhar descontos - explica.
 
Banco vende casas retomadas
 
A Caixa terá um estande em que vai oferecer cerca de 550 imóveis retomados de mutuários que não conseguiram pagar seu financiamento. O imóvel mais barato disponível será um apartamento na Pavuna, com lance inicial de R$ 18.500 (80% de desconto em relação aos R$ 91 mil de avaliação). Os imóveis serão vendidos por meio de licitação aberta, venda direta e leilão. Embora os descontos sejam atraentes, o comprador terá que arcar com o ônus de retirar o antigo proprietário do imóvel, caso ainda esteja ocupado. Além disso, em alguns casos não há possibilidade de parcelamento ou financiamento.
 
Para advogados, antes da compra do imóvel, o interessado deve avaliar a localização do imóvel, estado de conservação, infraestrutura da região, valor do bem e disponibilidade de recursos financeiros.
 
- O consumidor também deve observar atentamente as cláusulas contratuais, em especial as que estabelecem as condições de pagamento, ocupação, demandas judiciais existentes e débitos relativos ao imóvel. Na ausência dessas informações, o consumidor pode acabar adquirindo um problema - observa o advogado Arthur Ongaro, do escritório Corrêa, Ongaro, Sano Advogados Associados.
 
Entenda os cuidados
 
PESQUISE
 
Faça uma pesquisa dos preços que as construtoras praticavam antes do feirão. É possível encontrar na internet anúncios de imobiliárias ou corretores de alguns meses atrás. É importante para fugir das falsas ofertas.
 
IMPULSO
 
Não se empolgue no primeiro estande que entrar. Visite vários, compare as condições, o tipo de produto e analise o custo-benefício. Faça todos os cálculos com cuidado antes de comprar.
 
ORÇAMENTO
 
Avalie seu orçamento de forma bastante conservadora e lembre-se que a prestação não pode comprometer mais de 30% da renda familiar.
 
CUSTOS ENVOLVIDOS
 
Pergunte aos incorporadores o valor estimado do condomínio, mesmo que o prédio ainda esteja em obra, para você poder calcular seus gastos totais com a compra. Uma boa infraestrutura de lazer representa mais custos.
 
ATENDIMENTO
 
O Feirão de Imóveis da Caixa será realizado entre os dias 18 e 20 de maio, no pavilhão 2, do Riocentro. No sábado e no domingo, o atendimento será das 10h às 20h. Na segunda, das 10h às 18h.

Fonte: Jornal Extra

Últimas notícias